Você sabe como funciona um Cable Park?

Algumas pessoas conhecem o Wakeboard em sua forma original, com as pranchas rebocadas por barcos. O Naga Cable Park proporciona a prática de esportes aquáticos radicais como o Wakeboard, Kneeboard e Wakeskate através de um sistema de cabos presos em torres.

Mas fique tranquilo, dispensar o uso de barcos não diminui em nada a experiência do Wakeboard. Na verdade, permite até que a experiência seja ainda melhor! O mais legal é que além de tornar o esporte mais acessível, dispensando eventuais despesas com a utilização dos barcos, o uso de cabos e torres torna tudo mais prático. Além de ser mais saudável para o meio ambiente.

Agora você deve conhecer os sistemas que temos disponíveis! Caso seja a sua primeira vez ou ainda queira treinar mais, vá ao:

DUAS TORRES

Esse sistema consiste de duas torres interligadas pelo cabo que irá rebocar você. Ele é mais devagar, mas possui a vantagem de sair do zero e ir acelerando gradualmente, o que é ideal para quem está começando a aprender a ficar de pé na prancha.

 

Já sabe ficar de pé e já se sente motivado para tentar algo mais difícil? Então chegou a hora do:

FULL SIZE

Cabos motorizados, suspensos no ar por uma série de 5 torres, garantem máxima mobilidade e o melhor da experiência ao longo de 12 obstáculos, entre eles rampas e sliders ao redor do lago. O sistema roda a 32 km/h de forma contínua. Aqui é onde você irá desenvolver ao máximo as suas habilidades e se tornar um verdadeiro Rider!

Você quer experimentar o Full Size mesmo sem ter muita experiência? Não tem problema, pensamos em uma solução! Portanto, clique e descubra!

VALORES

Para o uso da nossa atividade, trabalhamos com a venda de hora cable park (wakeboard), não trabalhamos com 2 horas na sequência. O valor da hora adicional é diferenciada! Inclui equipamentos básicos (prancha iniciante e colete salva-vidas).

1 HORA DE WAKEBOARD
R$ 70POR PESSOA
HORA ADICIONAL
R$ 35POR PESSOA

QUERO COMPRAR O INGRESSO ONLINE, AGORA!

VISITE NOSSA LOJA ONLINE

LEIA TAMBÉM

Comentários

Comentários